Slide # 1

VALDEMIR CINTRA LEVA O PROJETO POESIA NAS ESCOLAS A SÃO BENTO DO UNA

O Projeto Poesia nas Escolas, terá sua edição, no Colégio de Referência José do Patrocínio Mota, na cidade de São Bento do Una, nesta sexta feira, dia 18 de maio... Mais informações »

Slide # 2

ESTUPRADOR DE BELO JARDIM É IDENTIFICADO E CONSIDERADO FORAGIDO PELA POLÍCIA

A Polícia Civil de Belo Jardim, no Agreste de Pernambuco, divulgou a identidade do suspeito de estuprar duas jovens dentro do banheiro de um bar no município... Mais informações »

Slide # 3

EX-DIRETOR DE OBRAS ENVIA TEXTO CITANDO E COBRANDO RESPOSTAS DE HÉLIO DOS TERRENOS SOBRE AS OBRAS PARADAS EM BELO JARDIM

O ex-diretor de Obras da prefeitura de Belo Jardim, Ubirajara Carvalho (Bira), enviou para o blog, uma carta dirigida ao prefeito, Hélio dos Terrenos, onde cita... Mais informações »

Slide # 4

MUNICÍPIO DE BELO JARDIM PAGARÁ MULTA QUASE MILIONÁRIA EM RAZÃO DA INCOMPETÊNCIA DO PREFEITO HÉLIO DOS TERRENOS

Belo Jardim está desgovernado. A prefeitura de Belo Jardim deixará de investir até meio milhão de reais do dinheiro de nossos impostos, que seriam destinados...... Mais informações »

Slide # 5

JOÃO MENDONÇA FALA SOBRE O BOATO DE QUE ELE IRIA SE UNIR A HÉLIO DOS TERRENOS, LEIA

Diante dos últimos acontecimentos com o rompimento da aliança Cintra Galvão/Hélio dos Terrenos, e as demissões dos indicados pelo grupo Galvão... Mais informações »

quarta-feira, 26 de novembro de 2014


O mundo não é mais o mesmo. Doze anos após o lançamento de "Nada Como um Dia Após o Outro Dia", os Racionais MC's, maior banda do rap brasileiro, voltam diferentes.

Se os projetos individuais de cada integrante nos últimos anos já indicavam novas possibilidades, agora é a vez dos Racionais. O todo é maior que a soma das partes.

O novo álbum, "Cores & Valores", sexto disco do grupo, foi liberado na madrugada de terça (25) no serviço digital Google Play Música, para download por R$ 9,99 e também para audição grátis no YouTube.

O show de lançamento será em 20 de dezembro, no Espaço das Américas.

Apesar da estreia direto em digital, "Cores & Valores" se apresenta com a estrutura de álbum tradicional, desenhando caminho sonoro com faixas coladas e vinhetas curtas.

O tempo de duração total do disco é o de um LP, com pouco mais de meia hora, e a audição flui perfeitamente se pensarmos em lados A e B.

A primeira face, com dez faixas, apresenta ideias rápidas e fortes em sequência sem trégua. A segunda, com cinco outras faixas, amplia as ideias com músicas mais longas, entre memórias e planos.

Se hoje a banda tem até assessoria de imprensa e site oficial e se distribui primariamente online, o desde sempre independente grupo continua fazendo seu próprio caminho e transformando idiossincrasia em personalidade.

Mas não foi só a maneira de distribuição que mudou. A banda parece ter evoluído seu som de beats mais secos e discurso grave para grooves com mais elementos. Mantendo a visão "papo reto" da realidade que observam, mas com o discurso em certa transição: confrontadores, mas tolerantes; ameaçadores, mas amorosos.

ALMA

Além das vinhetas conceituais e da primeira parte desenvolvendo a ideia central de "somos o que somos" em nossas cores e valores, as faixas continuam com bases fortes e interesse incansável por música negra brasileira e americana. Os ritmos black são o coração, o dedo na ferida é a alma.

"O Mau e o Bem", uma das melhores do disco, traz versos de Edi Rock lembrando suas origens: "KL Jay, DJ, Vila Mazzei, o Jão me apresentou em meados de 83/ Dançando break a parceria fechou, formô, mais uma dupla de SP se aventurou".

"Você me Deve", cantada por Brown, traz levada de baile moderno e luta contra a preguiça e o ócio, além dos memoráveis versos "Onde os pretos de coragem exibem os blim-blim/ Sem axé, sem massagem, pros cu do plim-plim".

Já "A Praça" lembra da treta na praça da Sé na Virada Cultural de 2007, com sirenes e trechos de reportagens. Naquele show, Polícia Militar e fãs entraram em confronto.

"Eu Compro" traz Ice Blue versando sobre racismo e grana, sobre sample de voz distorcida lembrando "Vida Loka Parte 2". "Coração Barrabaz" é uma das mais pesadas, em letra e base. Voz distorcida e dor.

E "Eu te Proponho", com pegada lembrando rap dos anos 90, apresenta Brown em surpreendente "rap romântico", com o refrão "Vamos fugir desse lugar, babe" e sample de "Castiçal", do soulman Cassiano. O mundo é cão, mas o amor salva.

CORES & VALORES
ARTISTA Racionais MC's
GRAVADORA Boogie Naipe
QUANTO R$ 9,99, digital, no serviço Google Play Música

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

O nosso Blog agradece a sua participação, mas não se responsabiliza por qualquer comentário dos participantes. Todos os comentários serão moderados antes de aparecerem nas postagens. Use o bom senso.

Comente a postagem acima.