Slide # 1

VOLTANDO COM CARGA TOTAL!

O projeto de reativar o blog surgiu a partir da necessidade de noticiar os fatos sem cunho sensacionalista e sem a exposição de ofensas que desmerecem e desrespeitam as pessoas. Mais informações »

Slide # 2

INSTAGRAM E WHATSAPP GANHAM INTERAÇÃO PARA COMPARTILHAR FOTOS

Hoje (24), o Instagram ganhou uma integração com o WhatsApp. Os aplicativos, ambos comprados pelo Facebook, agora vão trabalhar juntos no compartilhamento de fotos... Mais informações »

Slide # 3

PRECISAMOS EVOLUIR, PRECISAMOS PENSAR

O brasileiro (em sua maioria) é um ser que precisa urgentemente de vergonha na cara e aprender a respeitar Leis, limites e ser gente de verdade. Precisa encontrar Deus... Mais informações »

Slide # 4

POR R$ 0,20 CENTAVOS

Dois anos atrás, fizeram dezenas de protestos por causa do aumento de R$ 0,20 centavos na passagem de ônibus (e não adianta dizer que não foi só por isso, pois se... Mais informações »

Slide # 5

SE O TROCO FALTAR, É SEU DIREITO TER ARREDONDAMENTO DO VALOR PARA BAIXO

Se você andar em qualquer tipo de comércio, vai perceber a enorme quantidade de produtos que possuem um “valor fantasioso”, como R$1,99... Mais informações »

quarta-feira, 14 de setembro de 2011

Malware bloqueia computadores infectados e exige pagamento em dinheiro para liberar acesso ao sistema operacional.

Criminosos do Reino Unido descobriram uma maneira de usar o medo das pessoas de serem presas como forma de ganhar dinheiro. No esquema, é utilizado um malware que bloqueia a máquina e faz surgir mensagens falsas alertando o usuário de que a máquina foi usada para acessar conteúdos pornográficos ilegais e sites ligados a redes terroristas.

Para que a pessoa não seja incriminada, os golpistas exigem que ela pague uma determinada quantia em dinheiro. Segundo os autores da fraude, tal ação faria com que os computadores fossem desbloqueados e deixassem de figurar na lista de criminosos formulada pela polícia local – caso contrário, os acusados poderiam enfrentar alguns anos de prisão.

Ataque com origens desconhecidas

Aqueles que se dispõe a realizar o pagamento do resgate se veem enganados novamente pelos criminosos. Mesmo após cumprir as exigências, a máquina continua a exibir as mesmas mensagens, impedindo o acesso a qualquer função do sistema operacional.

Segundo Central eCrime Unit da Polícia de Met (PCeU), ainda não é possível confirmar qual o nome do malware envolvido no ataque, tampouco os responsáveis pela ação criminosa. A unidade policial simplesmente afirmou que a infecção se dá após visitar determinados endereços, o que torna mais difícil previnir possíveis ataques.

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

O nosso Blog agradece a sua participação, mas não se responsabiliza por qualquer comentário dos participantes. Todos os comentários serão moderados antes de aparecerem nas postagens. Use o bom senso.

Comente a postagem acima.