Slide # 1

ATÉ HOJE, OS BELO-JARDINENSES JÁ PAGARAM MAIS DE 6 MI EM IMPOSTOS E A CIDADE ESTÁ AFUNDANDO

Nessa madrugada de 20 de abril, em apenas 110 dias passados do ano, o belo-jardinense já pagou mais de R$ 6 milhões de reais em impostos... Mais informações »

Slide # 2

TV JORNAL FAZ MATÉRIA EM BELO JARDIM, SOBRE A MORTE DA GAROTA MARIA EDUARDA POR NEGLIGÊNCIA DO HOSPITAL , ASSISTA

No último sábado (14), a pequena Maria Eduarda faleceu por negligência do Hospital Júlio Alves de Lira. A garota deu entrada na unidade hospitalar quatro vezes... Mais informações »

Slide # 3

EX-VENDEDOR DE PICOLÉ REALIZA SONHO DE SER POLICIAL MILITAR

Depois da aula de encerramento do Curso de Formação e Habilitação de Praça (CFHP), o soldado Martins, 26 anos, postou em sua rede social uma foto que remetia sua história... Mais informações »

Slide # 4

TRF-4 NEGA RECURSO E MANDA PRENDER JOSÉ DIRCEU

Ex-ministro foi condenado por corrupção passiva, organização criminosa e lavagem de dinheiro... Mais informações »

Slide # 5

A CONDENAÇÃO DE INELEGIBILIDADE DE HÉLIO DOS TERRENOS POR OITO ANOS, FOI DESTAQUE NA MÍDIA ESTADUAL, CONFIRA

A noite de ontem não foi nada bem para o prefeito Hélio dos Terrenos. Depois de amargar na cidade e na internet, a notícia de sua condenação a inelegibilidade... Mais informações »

sexta-feira, 22 de julho de 2011


Polícia Militar da cidade de São Paulo diz que irá monitorar perfis nas redes sociais 24 horas por dia. Cidadãos poderão avisar sobre suspeitos e pedir ajuda pelo serviço.

Mais uma vez, a Polícia Militar de São Paulo mostra que está se adaptando muito bem às novidades tecnológicas. Depois de iniciar o uso de tablets com conexão 4G na região metropolitana da cidade, agora é a vez das redes sociais ajudarem o trabalho da corporação. Seguindo o exemplo do BOPE no Rio de Janeiro, a PMSP passa agora a monitorar denúncias de movimentações suspeitas e pedidos de socorro nas marginais Pinheiros e Tietê.

O serviço está sob responsabilidade da 3.ª Companhia do 2.º Batalhão de Trânsito, criado especialmente para o patrulhamento das duas vias. O efetivo conta com 160 policiais militares, 10 carros, 48 motos, 4 guinchos e uma base móvel. Somado ao contingente, o helicóptero Águia dará suporte caso seja necessário.

Além disso, em cada moto será instalado um AVL (sigla em inglês para “Localizador Automático de Veículos”). Seis radares móveis também estarão fazendo patrulha no local, e não servirão apenas para o controle de velocidade. As placas de veículos lidas nos radares são enviadas para o banco de dados da PM e verificadas. As irregularidades são notificadas aos policiais na rua para efetuar a abordagem do veículo.

Fonte: Tecmundo

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

O nosso Blog agradece a sua participação, mas não se responsabiliza por qualquer comentário dos participantes. Todos os comentários serão moderados antes de aparecerem nas postagens. Use o bom senso.

Comente a postagem acima.